segunda-feira, 29 de junho de 2015

Resenha | O Lado Mais Sombrio - A.G Howard

O Coelho Branco, o Chapeleiro Maluco, o Gato, a Lagarta, a Rainha de Copas... Todos eles estão de volta, e desta vez o assunto é sério. Alyssa precisa enfrentá-los para salva as mulheres da sua família de uma terrível maldição. Neste romance fantástico e surpreendente, a realidade pode ser muito mais perturbadora do que os sonhos.

Dentro de mim, um lado escuro se agita e ganha vida. Ele me provoca para dizer exatamente o que estou pensando. - Sim. Eu até entraria numa toca de coelho. - E bato a porta.
Não vou mentir, o único motivo pra eu ter comprado esse livro foi a capa. Não foi o nome, nem o ‘Bem vindo ao verdadeiro País das Maravilhas’. Simplesmente o fato da garota na capa ser extremamente parecida com a Carrie Hope Fletcher.

O que eu não esperava, entretanto, era me apaixonar pela história e pelos personagens tão rápido. É claro que, como toda história que envolve o País das Maravilhas, é necessário ter muita paciência e ter pelo menos 50% de loucura no corpo, porque é altamente improvável, senão impossível, de se encontrar uma história baseada em Alice que seja normal.

Agora deixe-me explicar que esse livro não tem a Alice. Ele é sobre a tetra-tetra-tetra neta dela... Ou algo do tipo. Alyssa tem esperienciado coisas que o mundo humano só pode explicar como “doenças mentais” desde pequena e, por medo de ter o mesmo destino da mãe - internada na Clinica das Almas -, esconde suas habilidades sobrenaturais de todos.

Porém, não se pode fugir do destino para sempre, e é quando ele resolve agir sobre Alyssa que a história realmente começa.

Durante toda a leitura, achei impossível colocar o livro de lado e tive que fazer um esforço enorme para não ler Atrás do Espelho logo em seguida. A. G. Howard fez um trabalho incrível com a caracterização dos personagens, mas não se engane. O País das Maravilhas não é nada como nos lembramos, nem seus moradores.

Nunca pensei que fosse gostar tanto de uma história baseada em Alice no País das Maravilhas, mas O Lado Mais Sombrio me surpreendeu de um jeito que não consigo explicar.

                                   

Esse foi, de certa forma o cinco mais fácil e rápido que já dei depois de O Nome do Vento. Mal posso esperar para ler Atrás do Espelho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário