Top Social

Resenha | Jogador Nº 1 - Ernest Cline

quarta-feira, 4 de novembro de 2015
Cinco estranhos e uma coisa em comum: a caça ao tesouro. Achar as pistas nesta guerra definirá o destino da humanidade. Em um futuro não muito distante, as pessoas abriram mão da vida real para viver em uma plataforma chamada Oasis. Neste mundo distópico, pistas são deixadas pelo criador do programa e quem achá-las herdará toda a sua fortuna. Como a maior parte da humanidade, o jovem Wade Watts escapa de sua miséria em Oasis. Mas ter achado a primeira pista para o tesouro deixou sua vida bastante complicada. De repente, parece que o mundo inteiro acompanha seus passos, e outros competidores se juntam à caçada. Só ele sabe onde encontrar as outras pistas: filmes, séries e músicas de uma época que o mundo era um bom lugar para viver. Para Wade, o que resta é vencer – pois esta é a única chance de sobrevivência.

Num mundo onde a pobreza e escassez de recursos são cenários bem comuns, o ambiente virtual chamado OASIS é a rota de fuga para as pessoas no ano de 2044. No ambiente OASIS as pessoas estudam, trabalham, se relacionam, jogam games entre outras infinitas possibilidades. Ele é tido como um hobby para muitos, inclusive para Wade Watts que usa a realidade virtual para escapar de sua vida miserável. Mas tudo muda quando James Halliday, criador do OASIS, morre deixando um vídeo em todas as mídias com a seguinte mensagem: Quem conseguir achar o ovo de páscoa escondido dentro do OASIS será seu novo herdeiro e consequentemente uma pessoa milionária. As pistas se baseavam nos livros, séries e filmes preferidos de Halliday, a maioria gostos bem famosos nos anos 80. E assim a corrida pelo segredo virtual tornava-se acirrada, tão acirrada que os mais promissores a conseguir o prêmio passavam por ameaças e perigos no mundo real, e com Wade Watts, um dos usuários mais assíduos do OASIS, não seria diferente. 

A obra é de uma leitura instigante e excitante para fãs de games, RPGs e filmes antigos, e ainda assim consegue ser tão interessante para os que não são. Cheio de referências, o livro leva o leitor a passear pelo mundo de “Star Wars”, “Harry Potter”, “Dr Who”, “Dungeons & Dragons”, “Nos Embalos de Sábado à Noite” e muitos outros. E ainda que você não tenha nascido nos anos 80, e não tenha entendido todas as referências, a leitura não se torna entediante pois Ernest Cline detalha todas as experiências vividas por Wade de maneira a deixar o leitor curioso por saber os próximos passos do protagonista, que quando não está tentando decifrar os enigmas do ovo, ainda consegue estudar e fazer grandes amigos que se tornam seus aliados. 

Jogador Número 1” é uma história cheia de aventura e ação que ainda consegue mesclar suspense, thriller e romance como partes realmente importantes para o enredo, fazendo o leitor se intrigar com a crueldade dos que almejam o prêmio, se emocionar com a grande amizade entre Wade e Aech – seu amigo e rival na caça ao ovo-, suspirar ao acompanhar o romance do protagonista com “Art3mis”, além de provocar dor nos músculos, tamanha a tensão que surge no decorrer da história. 

A leitura leva a refletir sobre o tempo em que se vive imerso no mundo virtual, e embora ela mostre inúmeras vantagens como o fato de os usuários do OASIS poderem se qualificar, baixar livros e músicas gratuitamente apenas pelo acesso à internet, no fim ela conclui que para vencer e proteger tudo o que é importante para si, Wade precisa encarar sua existência no mundo real, ainda que seja assustador.


Ernest Cline conseguiu com sua obra, sintetizar um misto de gêneros, num romance intrigante que conquista até os mais leigos no quesito “mundo nerd”, e além de prender o leitor desde o início da história, encerra com um desfecho surpreendente e inimaginável que faz valer a pena todas as 464 páginas.


Post Comment
Postar um comentário