sábado, 27 de agosto de 2016

Who The Hell Is Sonia Rykiel e Outras Considerações


A postagem de hoje é uma homenagem a uma pessoa ligada à cultura pop, em especial à moda. Ontem morreu a lenda Sonia Rykiel, a “rainha do tricô”, uma revolucionária em sua área e pessoa simbólica de Paris.

Tão simbólica que Malcolm McLaren, quando fez Paris, seu álbum de 1994 que é basicamente uma carta de amor para a cidade(e com um segundo cd só com o instrumental), ele a chamou para uma faixa desse álbum, que originalmente tem o nome desse artigo. Quando o CD foi lançado no Japão, foi renomeada para "Je M'Appelle Malcolm McLaren, et Vous? Sonia Rykiel".




Breves considerações sobre O Guia do Mochileiro das Galáxias.

Finalmente terminei a antologia de livros dessa série. A leitura é densa em alguns pontos, mas há momentos mágicos e até alguns emocionantes, principalmente se você se envolve com a história. Douglas Adams é perfeito com suas referências e críticas sociais, além de entender os anseios de seu público(ver capítulos 22 e 25 de Até Mais e Obrigado Pelos Peixes). O capítulo 22 de Praticamente Inofensiva é a homenagem mais respeitosa e discreta que já vi na vida. A forma que tudo se encaixa ao longo dos livros é magnífica.

Dito tudo isso, o filme feito na década passada não foi bom, não teve suas continuações. Ainda assim a saga merece uma representação gráfica digna. Meu plano é o mais lógico: Netflix. Imaginem que cada livro renderia uma temporada, a trama é densa, mas os livros são finos, com o elenco certo(ainda que o elenco do filme tenha sido adequado),a saga teria uma representação digna.

Vocês deveriam ler, se não tiveram a chance, a versão definitiva está bem barata na internet.

O que vem a seguir?

Primeiramente, hoje, quando escrevo, Graceland faz 30 anos. Escrevi sobre o álbum e suas influências tempos atrás, deem uma olhada.

Agora, outros álbuns importantes fazem marcas importantes esse ano e serão devidamente lembrados. Além disso, um novo Guia do Consumidor está a caminho. O que está pronto e só demandando edição é um novo conceito de postagens: os Tratados. Em determinados momentos vemos pessoas relevantes na mídia e na cultura pop, mas que atualmente levam crítica por qualquer coisa feita, boa ou ruim. Neil Strauss diz que todo mundo te ama quando você morre, mas estamos sendo justos com determinadas pessoas enquanto vivas? Eu levantarei essa questão e a responderei com vocês. Eis os tratados que virão por aí:

● Tratado de Starkey(provavelmente em duas partes)

● Tratado do Pão Celestial

● Tratado da Perna de Pau e o Coração de Pedra.

● Tratado Contra o Elitismo Cultural

Esse último em especial sairá em data surpresa. Esse assunto precisa ser discutido amplamente para que pessoas não cometam isso impunemente.


Nenhum comentário:

Postar um comentário